quarta-feira, 6 de março de 2013

Tangerina está com Leucemia (FeLV - Feline leukemia virus)



A algumas semanas atrás notei que a Tangerina estava muito quieta e estava mais magra. Notei que ela não estava comendo, pois quando ela come joga a ração no chão e não havia quase ração no chão. Era final de semana (16.02), liguei para a Cinivet e só consegui consulta para terça-feira com a Dra. Lilia, isolei a Tangerina no quarto para observar alimentação, fezes, vômitos, etc. ela foi ficando cada vez mais apática, não comia nada, tentei forçar mas ela não aceitava. Não consegui esperar até terça, segunda (18.02) bem cedo corri pra Clinivet, liguei para a Dra. Lilia no caminho e ela disse que iria me encaixar entre os pacientes. Quando cheguei lá o paciente das 8h estava atrasado então ela me atendeu imediatamente. A Tangerina estava muito apática, um pouco ictérica, desidratada, muito mal mesmo. A Dra. Lilia sugeriu que internássemos imediatamente para acompanhamento, tratamento e exames, então deixamos ela lá, sob os cuidados da Dra. Lilia, que eu confio muito.




Ela fez um hemograma que constatou que a produção de glóbulos vermelhos (vejam no exame, são os eritrócitos) estava em 1,12 milhões, um valor muito baixo, quase incompatível com a vida disse a Dra. Lilia, a medula dela não estava produzindo o sangue necessário e ela precisava de uma transfusão de sangue rapidamente. 



A Dra. Perguntou se eu tinha algum gato que poderia doar sangue pra ela, precisava ser grande e não poderia ser nem o Odin e nem o Meia-Noite, pois os dois não têm a saúde 100%, ela mesmo que cuida dos dois. O único gato grande, fora eles, é o Dracco, e por enquanto ele está com a saúde ótima, como eu não sabia que isso seria necessário não deixei ele em jejum, e não foi possível fazer no mesmo dias, mas levei ele no dia seguinte bem cedo para doar o sangue para a Tangerina.


 Posso dizer que o Dracco salvou a vida da Tan Tan, esse é meu Dra Dra, um herói.

 Olha ele com a Tan Tan pequenina, ele sempre cuidou dela.

A compatibilidade entre felinos não é muito difícil, quase todos os domésticos srd de pêlo curto tem o mesmo tipo sanguíneo.

Ele fez um hemograma para ver a compatibilidade e também se estava tudo em ordem com a saúde dele para doar o sangue. O resultado do exame foi bom e foi feita a transfusão. 


Além do hemograma a Tangerina fez uma ecografia exploratória abdominal, o resultado foi bom e fez o exame de FIV e FeLV, pois pelos sintomas a Dra. Lilia desconfiava da leucemia, e o resultado foi positivo.






Ela ficou mais um dia internada depois da transfusão e a Dra. Lilia resolveu dar uma alta assistida pra ela. Como ela se stressa muito em ambiente desconhecido e todos os medicamentos que ela estava tomando no hospital eu poderia ministrar em casa, e ela também já estava começando a comer um pouco de ração pastosa, então eu trouxe ela para casa.

Ela está tomando vários remédios:



Também comprei várias comidinhas especiais para a dieta dela:

 As latinhas de AD eu ganhei de um casal de professores meus. Eu estava guardando para quando o Odin fizesse a cirurgia para extrair o restantes dos dentinhos, mas tive que adiar isso e as latinhas estão ajudando muito a Tan Tan.


 Essa pastinha da direita é que a Tang mais gostou (Recovery) também é ótima para colocar na seringa e dar direto na boca.

Ela voltou ainda muito debilitada, mas ficou muito feliz em voltar pra casa e está super dengosa.



Ela está comendo pouco,  um pouco de ração sozinha, mas todo dia eu dou ração pastosa na seringa. Depois de uma semana em casa ela voltou para fazer novo hemograma (25.02), ela melhorou um pouquinho, os glóbulos estão em 3 milhões, ainda muito baixo, agora vamos entrar com o ferro, ela também engordou 100 gramas. 




Hoje faz mais uma semana desde o último hemograma, e ela fez um novo hemograma, amanhã saberei o resultado.

Estou muito assustada ainda. A minha Tan Tan doente? Não dá pra acreditar, foi tão rápido, ela ficou tão ruim que achei que iria perdê-la, como eu conseguiria viver sem a minha Tan Tan? 

Eu sei que essa doença é para sempre e não é nada fácil, mas eu vou cuidar muito bem dela e ela vai viver bastante, muito bem e muito feliz. 


Ela é o meu amor, a minha Princesa Tangerina.



20 comentários:

  1. Força!
    Só quem tem um bichano com necessidades especiais por conta de doenças sabe o quanto é sofrido. Eu sei bem como é...

    Espero que fique tudo bem!

    ResponderExcluir
  2. Puxa, que situação, Nai!! Mas Deus é misericordioso, vamos aguardar que aos poucos ela vai melhorar e viver mais uns anos feliz ao seu lado. Na torcida pela Tan Tan!

    ResponderExcluir
  3. Estarei orando pela Tangerina. Se Deus quiser, logo ela ficara boa.
    Beijos...Magda

    ResponderExcluir
  4. Quem diria que o Dracco seria um doador de sangue heim! :)
    Nossa nai..ela ficou muitoooo magrinha mesmo... :(
    mas vai dar td certo. Com os seus cuidados e seu amor de mãe, ela viverá muitos anos...

    beijos

    Ma...Lucky e Ursula

    ResponderExcluir
  5. Que dureza ver os nossos gatinhos tão lindos doentinhos! Espero que a Tangerina se recupere logo. Só no fim da vida da Rutha que eu fiz esse exame e deu negativo. Você anda sem sorte ou só pessoas que cuidam e se preocupam são contempladas com peludinhos que precisam de maiores cuidados. Ainda bem que você tem uma vet competente e de confiança que te ajude. Vai dar tudo certo, muita força!
    Beijos
    Laís

    ResponderExcluir
  6. Vou torcer para a recuperação da Tan tan, que ela melhore logo. Bom que o Draco salvou a vidinha dela.
    A Tangerina é uma princesinha linda, que vai continuar a te dar muitas alegrias.
    beijos

    ResponderExcluir
  7. Ainda bem que você procurou atendimento pra Tangerina a tempo de cuidar da saúde dela. Dracco desde sempre cuidando da sua princesa...que lindo! Estamos aqui na torcida pela Tan Tan.
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Tangerina, menina, boas energias pra vc! Se recupere! Fiquei emocionada com a doação de sangue do Dracco, coisa de irmão! Estamos por aqui, torcendo pela recuperação da pequena!
    Bjos!

    ResponderExcluir
  9. Tadinha da Tangerina, torço pra que ela se recupere logo! Ainda bem que ela tem você de mãe, que se preocupa e cuida com muito amor.
    E depois as pessoas dizem que gato preto dá azar né? Isso é mais uma prova que gato preto dá amor, e muito! Que saudade estou do meu neguinho!

    ResponderExcluir
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  11. Oi minha Dixie tb era felv+ infelizmente o contágio é muito fácil, saliva, caixa de areia, enfim....ela já tinha suspeita de felv, pois seus dentinhos tinha muita gengivite e estavam caindo, foi aí q descobrimos a felv, infelizmente no dia 26 de fevereiro ela virou estrelinha, ela fez a 1ª transfusão e ficou super boa por 2 meses (até surpreendeu a vet Dra. Cláudia tb especialista em felinos da Clinivet), e infelizmente depois a anemia voltou, e seguimos pra 2ª transfusão, .ficou bem 3 dias e depois tentamos internar por 4 dias..e em seguida passou um final de semana comigo e infelizmente ela teve q virar uma estrela...já tratei uma gatinha renal com a Dra. Lilia ótima especialista tb, só q acabei ñ conseguindo horário com ela pra Dixie, mas enfim.....Boa sorte com a Tangerina a partir de hoje ficarei sempre lendo os posts do seu blog....e sei de felvinhos q duraram muitos anos, é uma doença desgastante mas Deus encaminha pessoas certas pra eles...Bjos

    ResponderExcluir
  12. Puxa Nai!
    Eu nem sei o que te dizer.
    A gente fica sem chão mesmo.
    Eu estou torcendo muito pela Tangerina e por você, para que tenham força para essa batalha.

    ResponderExcluir
  13. Tadinha, eu sei bem como é isso. O meu Chatolina apesar de ter melhorado após transfusão ficou bem durante uma semana, no 10º dia parou de comer onde fez novo exame de sangue e voltou para casa. Infelizmente ele virou estrelinha naquela noite,nos meus braços, apesar de ter outros lindo gatos não estou conseguindo me recuperar. Torço muito por Tangerina e Mande-nos noticías de como ela esta. Melhoras Tan Tan. Beijos

    ResponderExcluir
  14. Olá, poderia me informar como ficou a sua gatinha Tangerina? Estou com gatos FELV + e uma está apresentando sintomas, como anorexia. Espero que ela tenha se recuperado. Um abraço.
    Vera
    e-mail: tica1962@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  15. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  16. Fiquei mesmo feliz pela sua gata, mas houve um propósito de estar a ler o seu blog. À mais ou menos 3 semanas o meu gato foi diagnosticado com leucemia e a veterinária disse que não havia nada a fazer num caso destes, nem receitou medicamentos só disse para afasta-lo dos outros gatos, e quando ele parar de comer a única solução seria o abate. Eu reparei que ele estava a ficar muito mais magro, e passado três semanas (hoje) só se nota a pele em cima dos ossos, e ele não come qualquer tipo de comida. Não sabe o quanto me aiviou ver o post da sua gata.

    ResponderExcluir
  17. Olá,minha gatinha esta com felv tbm eu já tentei de td fiz uma transfusão semana passada mais acho que ela esta piorando,ontem ela esta toda tonta sem conseguir ficar em pé até parecia que estava perdendo a visão,ai coloquei um pouco de soro nos olhos dela ela ficou mais calma.. pensei que dessa noite ela ñ passava,hj ela acordo um pouco melhor mais continua sem querer comer euque tenho forçado na seringa,esse remédios ai ajudo a sua? sera que se eu der vai ajudar a minha tbm?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Tadinha da sua gatinha sei o que vocês estão passando... Olha, minha gatinha melhorou, acho que o que fez ela melhorar foi um conjunto de fatores. Eu sempre insistia muito em fazer ela comer com a seringa, dava a recovery ou a AD, uma época foi uma luta, ela babava, cuspia, mas eu sabia que se ela ficasse muito fraquinha não ia aguentar, depois, acho que de tanto forçar, foi ficando mais fácil. Os remédio que a vet recomendou era para tratar a anemia ferro e ácido fólico e um corticoide, o prelone. Acho que os remédio ajudaram também, ela também fez 3 transfusões no período que estava ruim... As vezes eu achava que ela não ia aguentar, mas ela surpreendeu... Quanto ao caso da sua gatinha, eu digo para não perder a esperança e insistir em alimenta-la na seringa, fale com a vet sobre esses remédio que eu mencionei, pode ser que ajude ela. A Leucemia é uma doença muito traiçoeira, cada caso parece diferente e cada gato responde diferente ao tratamento. Vou torcer muito pela sua gatinha, desejo que ela se recupere logo, boa sorte pra vocês e muita força!!

      Excluir
  18. Nossa infelizmente não tive a mesma sorte que vc mandei meu gato para uma clinica e ele apenas aplicou soro nele sendo que precisava era de doação de sangue ele ja tinha dito que suspeitava de leucemia e mesmo assim nao tomou as providencias..acho que ele morreu por imprudência.

    ResponderExcluir
  19. Bom dia, fico feliz que vc tem conseguido combater a leucemia da Tangerina e agradeça muito a veterinária que teve os cuidados dela.
    Eu tinha um gato chamado Rex e não consegui combater o vírus pq não sabia e os veterinários da minha cidade simplesmente não tiveram competência nem ética no trabalho, um dia antes do meu gato ir a óbito procurei outro veterinário pq o outro tinha mudado de cidade e nem se quer me avisou, era tarde de mais e o Rex estava cheio de linfoma ao ponto de não conseguir miar, ele teve uma morte cruel e a culpa foi minha, é muito triste essa situação e por isso fico muito feliz por vc.

    ResponderExcluir