quinta-feira, 9 de maio de 2013

Tansfusão Tangerina (FELV+)


Oi Pessoal,

 Meia-Noite e Tangerina

 Segunda-feira levei a Tangerina e o Meia-Noite para coletar sangue e fazer os exames, se estivesse tudo ok o Meia-Noite iria doar sangue para a Tangerina, o exame dela estava pior, os eritrócitos caíram ainda mais e, infelizmente, a enzima hepática do Noitinha estava muito alta, como vocês podem ver no exame (é o valor T.G.P), a baixo está o hemograma da Tang.



Nós já havíamos visto essa alteração quando Noitinha foi fazer a extração do canino, achamos que estava associada à inflamação, pois não encontramos outra explicação, o hemograma dele estava bom e fisicamente ele estava ótimo (como agora), como ele extraiu o dente já faz quase dois meses e o valor aumentou ainda mais, as duas coisas não estavam relacionadas, sendo assim, a Dra. Lilia acha que ele é um forte candidato para FEL+, terá de ser testado.

Como o Meia-Noite não poderia doar, nem o Dracco, pois doou da primeira vez, a Dra. Lilia conversou com a Dra. Natascha, que é uma veterinária gateira lá da clinivet, ela costuma fazer as ecografias, ela mesmo fez a da Tangerina, ela então se dispôs a levar um dos seus gatos para doar sangue para a Tang, ontem bem cedo ela levou o Stalin para a clínica, esse gatão preto enorme e lindo:

Stalin

Coletamos sangue dele e da Tangerina para verificar a compatibilidade, caso os dois fossem incompatíveis eu já tinha um plano B, pois minha amiga Mariana disse que o Luck poderia doar para a Tang, vocês lembram dele? É o filho da Chava, que ficou um gatão lindo, vejam aqui.

Felizmente o teste de compatibilidade foi ok:



Ontem a tarde a Dra. Lilia me ligou e disse que estavam tendo dificuldade para pegar o acesso na Tangerina, já tinham retirado o sangue do Stalin, e iriam esperar o Tang se acalmar para tentar novamente, pois ela estava muito debilitada e poderia ter uma parada cardiorrespiratória, tudo que ela não precisava naquele momento. Mais tarde a Dra. me ligou novamente e disse que não tinham conseguido o acesso na Tangerina e que ela estava muito estressada, pediram que eu fosse até a clínica para ajudá-los. Eu estava indo pra aula, bem longe da clínica e quem me socorreu foi o Paulo, ele me pegou na faculdade e me levou até a Clinivet, também ajudou muito na hora de conseguir o acesso na Tangerina, pois foi uma grande luta e ele tem experiência,  a Pipoka (gatinha dele) também fica estressada quando vai no veterinário. Muito obrigada pela ajuda Paulo!

Aos poucos Tangerina foi se acalmando, fiquei fazendo carinho nela e acompanhei toda a transfusão:


Fui pra casa mais tranqüila sabendo que a transfusão deu certo e que ela já estava mais calma.

Hoje fui visitá-la na clínica, dei comidinha na boca pra ela e fiz muito carinho, ela já está bem melhor, mais animadinha e dengosa, amanhã virá pra casa, não vejo a hora.


Apesar de ter dado tudo certo na transfusão, o quadro da Tangerina não é muito promissor, no exame que ela fez (aquele mesmo que tem a compatibilidade lá em cima) no índice de reticulócitos foi constatado anemia não regenerativa, ou seja, a medula não está produzindo sangue, o que é péssimo, mesmo assim vamos seguir fazendo todo o possível pra que ela melhore, temos muita esperança e ela tem lutado bastante.

Obrigada a todos que estão torcendo pela Tangerina, obrigada a Dra. Natasha e ao Stalin pela doação do sangue, ao Paulo que nos ajudou muito, e a Mariana e ao Luck por se disporem a doar o sangue para a Tang.

7 comentários:

  1. Nailane, estou torcendo muito pela recuperação da Tangerina.
    Boa sorte!!

    ResponderExcluir
  2. Tang, você é uma guerreira, assim como a Nai!
    beijos

    ResponderExcluir
  3. continuo rezando pela Tang, e ainda bem que apareceram anjos para ajuda-la.
    beijos

    ResponderExcluir
  4. Estamos todos torcendo pela Tang e sabemos que ela tem a melhor mãe do mundo!!!

    ResponderExcluir
  5. Ai que dó Tang, tenho certeza que vc ficará bem. Força pra vc e pra Nai.
    Beijinhos, feliz dia das mães!

    ResponderExcluir
  6. Eu torço muito por vocês, espero que a Tangerina consiga superar todos estes problemas. É sempre muito difícil ver nossos bebês sofrendo! Muita força pra vocês!
    Beijos
    Laís

    ResponderExcluir
  7. Muitas melhoras para a Tang, de coração!

    ResponderExcluir